Visto concedido - Meu relato

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Visto concedido - Meu relato

Mensagem por fabiotaques em Seg Jan 30, 2012 8:17 am

Como sei que todos gostam de relatos, aí segue o meu de como tudo aconteceu:

Estava agendado para 07:30 e cheguei 06:30, tinha pouca fila, mas depois que saí vi que a fila estava imensa... Todos bem simpáticos, desde a atendente do lado de fora, até o pessoal da conferência, impressões digitais e claro, o cônsul.

Fui eu e minha namorada, e deixaram fazer a entrevista juntos, nem precisamos pedir. Após a coleta das impressões, fomos para a tão temida... No meio tempo de fila vi que a maioria dos vistos foi concedida, somente a de um senhor que pude ouvir foi negado, mas ele se enrolou bastante tadinho, e a filha dele morou um tempo ilegal por lá...

Quando chegou nossa vez, fomos ao guichê 7, o cônsul nos recebeu com um sorriso e pediu os passaportes. Nessa hora me embananei, tirei o passaporte do elástico (eles colocam em um elástico, o passaporte, foto, comprovante do Citybank, confirmação do DS e a senha) e logo ele me falou que queria tudo, tive que enrolar tudo de novo e entregar pra ele. Seguem como foi o diálogo então:

C: O que vocês são?
Eu: Namorados
C: Por quantos meses, ou anos?
Namorada: Um ano e quatro meses
C: Pretendem ir para onde?
Namorada: Orlando, Disney
C: Quando?
Namorada: Em outubro
C: Quanto tempo pretendem ficar?
Namorada: 3 semanas
C: Ual, é muito tempo! (nessa hora meu coração gelou) O que vão fazer lá, vão ficar só na Disney ou outros parques também?
Eu: Nos outros também, Universal Studios, Island of Adventure, Sea World e Busch Gardens.
C: Mas por que vão para lá?
Eu: Porque sempre foi meu sonho conhecer, e ela vai me acompanhar.
C: Por três semanas? Vai sair caro! (meu coração parou), quem vai pagar por isso?
Namorada: Minha tia.
Eu: Minha tia.
C: O que vocês fazem?
Namorada: Eu estudo
Eu: Eu trabalho
C: Estuda onde?
Namorada: Na ****
C: E você trabalha onde?
Eu: Na C** Turismo
C: Ahhh (com cara de satisfação, nessa hora minhas esperanças voltaram).
C: Por favor,vocês tem algo que comprove o rendimento de seus pais e imóveis que eles possuam?
Eu: Dos nossos pais ou do custeador?
C: Dos seus pais
Entregamos IR, declaração de imóveis e carros
C: Por tanto tempo vão queimar a cabeça no Sol de lá
Rimos com ele
C: Pode me emprestar algo que comprove seu rendimento? (Se dirigindo a mim)
Namorada: Eu também?
C: Você trabalha...?
Namorada: Sim, estudo e trabalho...
C: Ahh, estagiária?
N: Não, emprego mesmo
C: Quem ganha mais?
Eu: Sou eu
C: Então só você
Passei meus holerites dos últimos três meses e ele olhou somente um e já devolveu. Digitou por alguns instantes, pegou os comprovantes e a senha, passou por baixo do guichê e falou:
C: Seus vistos foram aprovados, podem pagar a taxa de sedex.
Eu e namorada: Muito obrigado!

Nessa hora já demos um sorrisão enorme e saímos muito felizes.

Para o Sedex, apesar de termos sobrenomes diferentes, deram somente uma senha. Comentei com a atendente dos Correios isso e ela falou: Mas eles só deram uma senha mesmo? Aí eu falei que sim, ela perguntou o que éramos, falei que namorados e ela fez uma cara de mais surpresa ainda e falou: Bom, se eles só deram uma e pra eles tá tudo certo...
Então pagamos por somente um sedex (para informação: R$ 49,90 para Ponta Grossa, próximo de Curitiba).

Os passaportes chegaram 5 dias depois, com visto B1/B2, múltiplas entradas válido por 10 anos!!!

E fica a dica: Mesmo que seu custeador não seja seus pais, levem os documentos deles. Já pensou se não tivéssemos levado?


fabiotaques
Admin

Mensagens : 220
Reputação : 9
Data de inscrição : 28/01/2012
Idade : 25
Localização : Ponta Grossa

Ver perfil do usuário http://falandodeorlando.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mais um relato...

Mensagem por gabipaulino em Qua Fev 01, 2012 2:17 pm

Eu e o meu marido fomos tirar nossos vistos no dia 02 de janeiro de 2011 em Recife - PE (moramos no Cerá e era o lugar mais perto).

Nosso casamento aconteceu dia 22.01.11, mas eu fiquei com tantoo medo de ter meu visto negado ( e estragar, consequentemente, a nossa lua de mel tão sonhada na Disney) que decidimos casar em dezembro de 2010 o civil , como o Dudu já tinha ido 2x aos EUA e, inclusive, morado lá pra estudar, eu achava que casada com ele ia ser mais fácil! ehehehehe

Na verdade, o meu medo devia-se ao fato de que eu nessa época trabalhava em um escritório (advogada) e, por conseguinte, era "autônoma" e meu medo era justamente esse: eu não tinha carteira assinada, nem nada que comprovasse que eu trabalhava! O único "comprovante" que levei foi uma declaração (feita por mim inclusive hehehehe) e assinada por um dos donos do escritório de que que trabalhava lá e percebeia a quantia mensal de "x" reais (além da declaração eu peguei uma lista em alguns tribunais de processos em meu nome, buscando pelo nº da minha OAB) . Além disso, eu não tenho nada em meu nome (nenhum bem). enfim... segundo o meu marido dizia não sei se para me amedrontar: o que pode te "colocar pra dentro" sou eu! kkkkkkkkkkkkk

Enfim, fizemos nossas pastinhas de documentos bem organizadinhas e fomos lá! Eu estava beeem nervosa antes de chegar, mas graças a Deus mantive a calma!

Nosso horário era 8h e quando chegamos (07:30h), tinha pouca fila, mas lá dentro estava cheioooo. Fomos atendidos perto de 10h (tinha um pessoal do meu lado que o vôo de volta era as 12h e eles possivelmente iam perder, por isso a dica, se o consulado não for na sua cidade, não confie que va iser atendido no horário, marque o vôo com algumas horas de segurança. O nosso vôo era 18h).

Assim como o Fábio não vi muita gente ter o visto negado, apenas uma senhora que quando o cônsul perguntou se ela tinha algum parente lá, ela deu o nome da filha sendo que a filha estava ilegal! Resultado, se deram mal a senhora e a filha que foi "pega".

Na nossa vez chegmaos ao guichê e era uma mulher, uma senhora com a cara bem amistosa ela fez as perguntas seguintes:

C: Vcs são casados?
Marido:Sim, recém casados!
C: Parabéns!

C: Qual o objetivo da viagem?
Marido: Lua de Mel
C: Vão pra onde?
Marido: Disney
C: ah, que maravilha, vcs vão adorar! (nessa hora eu pensei: opa, meio caminho andado! ehehehe)

C: os passaportes, por favor!

Entregamos os passaportes. ela conferiu o do Dudu, viu as duas entradas nos EUA dele e pediu o passaporte velho dele, ele entegou e ela até fez graça com a foto antiga dele !
daí ela pegou o meu e olhava pro passaporte e olhavapra tela, olhava pro passaporte e olhava pra tela...comecei a ficar nervosa...

C: gabriela, vc já esteve alguma vez nos EUA?
EU: não senhora!
C: Tem certeza?
Eu: tenho sim (toda me tremendo já, mas mantendo a pose de calmíssima)
C: Nem que vc não se lembre, nunca foi?
Eu: Não, essa é a priomeira viagem.

Ela pediu licençae saiu para consultar uma outra pessoa do ghichê do lado. Eu pensei PQP, sabia que eu ia estragar tudo! Daí só ouvimos quando a outra mulher disse: "homonyms" (homônimos)...Ela voltou e disse

C: Desculpe! Duas pessoas com o nome parecido! O que vc faz gabriela? (pensei, agora f... ela vai pedir o comprovante!)
EU: sou advogada
C: ah legal! De que área? (pensei, P.. quer saber até a área, daqui a pouco vai fazer uma consulta! rsrsrsrs)
EU: trabalho com Direito Público e Direito Ambiental
C; muito legal!

C: quanto ganham os dois juntos?
Marido: aproximadamente "x" reais
C: ok, seus vistos foram aprovados! parabéns!

Nunca me senti tãooo aliviada! Principalmente depois dessa sabatina! ahauahauhauhauhauha

P.S: reparem que ela não nos pediu NENHUM documento! Isso mesmo, nossa pasta cheia de documentos, serviu só de enfeite! hehehehehe

Fomos parao sedex, não lembro o valor, mas lembro que foi em um só envelope e chegou com 3 dias, na mesma semana que fomos eles chegaram.

Validade de 10 anos, B1/B2.


Dica: mantenham a calma em qualquer situação. meu marido disse que pensava que quando ela estava me questionando sobre ter ido aos EUA eu ia me desesperar e dizer alguam besteira, ams eu fiquei calma, afinal eu estava falando a verdade, ora mais! eheheh Tinha certeza que nunca tinha ido! (infelizmente, por sinal! ehehehehehe)

Não marque o vôo de volta (no caso do consulado não ser na sua cidade) para horário muito perto do horário da entrevista! Porque pode atrasar!!!

Levem o envelope do sedex já com vcs e preenchido com o endereço de entrega, isso nos poupou uma filona enorme pra comprar o envelope! pegamos direto a fila de pagar!




gabipaulino

Mensagens : 25
Reputação : 1
Data de inscrição : 31/01/2012
Idade : 31
Localização : Fortaleza

Ver perfil do usuário http://www.viajandonessa.blogspot.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Visto concedido - Meu relato

Mensagem por kkfaria em Sex Fev 10, 2012 12:23 pm

Meu primeiro visto, tirei junto com o meu marido e solicitamos apenas o de turista B2. Marcamos tudo pela internet e fizemos tudo sozinhos (pagamento das taxas no citybank e etc).
Fomos para a entrevista (em 2008) juntos e como estávamos casados, fomos entrevistados juntos.
O entrevistador perguntou onde iríamos e quando, respondi que era para a Disney, depois perguntou onde eu e ele trabalhávamos, e quando respondi ele só conversou alguma coisa com o outro entrevistador, perguntou quanto a gente recebia, e nos liberou. Nem olhou o calhamaço de coisas que levamos! Durou em 2 minutos.

Agora como fui para lá a trabalho, tinha que trocar meu visto para B1.
A minha empregadora quem agendou a entrevista e pagou minha taxa (eu dei $$ para eles incluirem a minha filhota). Eles agendaram e pagaram a taxa com os nomes todos errados... E falou que eu não tería problema. E foi rápido. Para vcs terem noção, fui na época que as datas para marcar estavam com mais de 2 meses para a entrevista e ele agendou tudo de quinta para eu ir na segunda seguinte, às 14h (minha empresa tem 20 vagas neste horario toda semana). Daí fiz todos aqueles procedimentos (fui sozinha, os docs da pequena estavam comigo e levei o passaporte do pai, mas nem pediram!) e fui para a entrevista. O cara só perguntou quando eu ia. Carimbou os trens e mandou ir pagar a taxa nos correios perto do consulado (fiz no Rio!). Como paguei Sedex 10 e morando fora do Rio de Janeiro, eu recebi os passaportes com os vistos na quinta. Meu visto B2 recebeu um carimbo "Cancelled without prejudice" e eles imprimiram outro na página seguinte. Meu marido não quis aproveitar a ida... e ainda está com o B2 antigo... O meu e o da pequena sairam com validade de 10 anos!

_________________
http://www.pravalerapena.com

kkfaria

Mensagens : 398
Reputação : 17
Data de inscrição : 29/01/2012
Idade : 36
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://www.pravalerapena.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Visto concedido - Meu relato

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 1:04 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum